Prostituta morre em queda de 5.º andar durante sexo na varanda

Um turista inglês de 25 anos foi detido em Pattaya, na Tailândia, depois da prostituta com quem estava a fazer sexo na varanda ter caído e morrido. Reece Vella estava com Wannipa Janhuaton, de 26 anos, no apartamento do luxuoso hotel onde se encontrava instalado quando se deu o acidente, pelas 4h00 de sábado.

A mulher foi encontrada já morta na rua, com fraturas na cabeça e nos membros. Estava completamente nua, mas tinha consigo uma pequena embalagem com Viagra e lubrificante. A polícia começou imediatamente a investigar o caso e deparou-se com um quarto vazio, onde existiam apenas preservativos e as roupas da jovem prostituta.

Iniciou-se então uma caça ao homem, Reece, que tinha-se posto em fuga logo após a parceira sexual ter caído da varanda. O homem, natural de Brimingham, no Reino Unido, foi detido quase 24 horas depois, num bar. Tinha consigo o telemóvel de Wannipa.

O jovem, que está na Tailândia há três meses, não se mostrou preocupado com a detenção e chegou mesmo a pedir se alguém lhe podia dar um cigarro. O Tenente Narong Chantra, da polícia local, explica que o homem acabou por admitir que estava envolvido com a prostituta no quarto há várias horas.

Quando a levou para fazer sexo na varanda, a mulher caiu e o inglês, em pânico, fugiu para outro hotel. Acusado de omissão de auxílio e negligência, o homem justificou a fuga com o facto de ter o visto para permanecer no país expirado. O homem permanece detido a aguardar julgamento.

Faça o primeiro comentário a "Prostituta morre em queda de 5.º andar durante sexo na varanda"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.