Edil de Lichinga pede desculpas pelos transtornos causados aos munícipes

Moçambique

Na sua primeira aparição pública depois de detido, julgado e condenado a dezoito meses de prisão convertidos em multa por crime de corrupção e abuso de poder, o Presidente do Município de Lichinga pede desculpas pelos transtornos causados aos munícipes.
Saíde Amido falou na cerimónia de encerramento do terceiro curso de formação de agentes da polícia municipal.

Via TVM

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.